quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Sua empresa precisa de Marketing Estratégico

Seus Serviços são Especiais?


Para iniciar mais um novo ano, vamos falar da importância dos serviços oferecidos por sua empresa, bem como pensar em torná-los especiais. Existem muitas opções de serviço que podem agregar o diferencial de sua empresa e fazer com que seus clientes escolham a sua empresa e não a do seu concorrente.
Quando trabalhamos com serviços ao cliente devemos pensar em todo o ciclo de experiência que os públicos terão na empresa até se tornarem efetivamente cliente. Esse pensamento também se enquadra a empresas que oferecem produtos, pois devem pensar em quais serviços agregar para terem diferencial perante sua concorrência.
Serviços são especiais quando pensamos em todos os detalhes da experiência do cliente em nossa empresa, como o estacionamento, entregas eficientes, atendimento padronizado, sistema de informações, entre outros.  Todas essas etapas são essenciais para que tenhamos a aceitação dos públicos alvos e a fidelização da marca.
Conforme Sarquis (2009), “... o serviço pode ser entendido, enquanto produto, como um ato, atividade, ação, esforço, atuação, desempenho ou processo, de natureza predominantemente intangível, que é oferecido à venda, na forma de um pacote de benefício, sem resultar na propriedade de algo, com o propósito de satisfazer necessidades, e que envolve geralmente algum tipo de interação entre o prestador de serviço e o cliente”.
Então definir o padrão de serviço que sua empresa está disposta a oferecer ao mercado é fundamental para nortear as ações de marketing que você estará executando, bem como mostrando para seus públicos-alvos como a empresa esta posicionada no mercado. Os serviços são intangíveis, por isso, devem ser bem aplicados para trazerem benefícios. O consumidor associa o serviço que teve com a qualidade geral de seu atendimento, mas fica frustrado quando um item essencial de facilidade do serviço falha. Neste contexto o que facilita o trabalho e a obtenção de melhores resultados é a padronização.
Mas lembrem-se tudo ao seu ponto certo, padronização pode auxiliar na fixação da marca, no fluxo do trabalho, na redução de custos, preços mais competitivos, maior eficiência no atendimento, estabilidade nos processos, entre outros, mas não se esqueça de deixar canais abertos, tanto para os seus colaboradores como para seus clientes a fim de aperfeiçoar os serviços. Uma empresa que visa crescimento, deve se preocupar sempre em tudo que envolve a empresa e em todas as pessoas que fazem parte.
Achar que seu processo é o suficiente e que os serviços oferecidos já são o bastante pode no futuro estar condenado ao congelamento no mercado. As empresas que oferecem serviços sempre devem estar abertas a aprimoramentos, pois quem dita às normas hoje é um mercado veloz com consumidores mais inteligentes e exigentes.
Um ótimo ano com serviços que surpreenderam seus clientes!

A importância da comunicação

Vamos abordar a importância da comunicação, seja no meio profissional ou na sua vida particular.  Às vezes nos deparamos com situações que pensamos ter falado ou passado a mensagem corretamente, mas nosso receptor não teve a mesma idéia da mensagem, causando algumas vezes problemas que poderiam ter sido evitados.
É muito comum nas empresas ter setores que não trocam informações e com isso geram problemas internos e/ou com os próprios clientes. Colegas que passam informações de trabalho podem prevenir problemas, seja com entregas, logística, qualidade do produto, clientes, informações de mercado, entre outros. Infelizmente essa comunicação ainda fica restrita a uma única pessoa, monopolizando a informação, gerando mais trabalho ou ainda pior, o retrabalho.
Na vida privada também temos muitas vezes situações que a falta de comunicação nos impossibilita de levarmos uma vida mais fácil e feliz. Guardamos para nós pensamentos, desejos não falados que muitas vezes podem fazer falta em um relacionamento.
O individualismo ficou algo muito “normal” no cotidiano atual, o computador virou nosso confidente sem conselhos ou críticas. Comunicamos muitas vezes para milhares de “amigos” virtuais, mas não sabemos se o que comunicamos faz sentido para alguém.
A comunicação é algo muito amplo, nos comunicamos com a fala, gestos, olhares. Se falarmos algo que não acreditamos, nosso olhar vai nos desmentir... Se tivermos que inventar algo, nosso gesto vai nos prejudicar... Existe até um livro chamado “o corpo fala”, que aborda justamente essa sincronia do corpo.
Por isso, para termos a certeza de um bom entendimento de nossa comunicação, devemos acreditar no que realmente falamos. E isso se estende para uma empresa, ao qual faz seu público alvo comprar seus produtos e serviços, pois ela foi a primeira a acreditar no que ofereceria ao mercado.
Uma empresa para ser bem aceita em seu segmento deve primeiramente pensar o que tem para comunicar, depois precisa saber para quem vai comunicar e por último saber onde é melhor comunicar. Muitas empresas já fazem esse planejamento, mas se esquecem de mensurar se sua comunicação teve realmente sucesso e que a mensagem foi realmente captada. Mensurar ações específicas de marketing é o segredo para saber investir e buscar os melhores resultados.

Na vida privada também é muito importante buscar um feedback das pessoas envolvidas para garantir que a mensagem tenha sido entendida corretamente. Como já dizia Chacrinha “quem não se comunica, se trumbica”.

Onde estão seus produtos no mercado?

Em nosso último artigo falamos sobre o ciclo de vida de produtos e serviços, bem como sua importância em direcionar os negócios da empresa. Agora vamos aprofundar essa análise e falar um pouco sobre o portfólio de produtos de sua empresa. Para isso, vamos utilizar uma das matrizes mais conhecidas para análise dos produtos, a matriz de crescimento-participação do mercado, mais conhecida popularmente como matriz BCG ou matriz de análise do portfólio de produtos.
Conforme Yanaze (2006), “a matriz BCG (Boston Consulting Group) foi desenvolvida a partir de duas variáveis mercadológicas que auxiliam na identificação da situação, do posicionamento de produto, marca e unidades estratégicas de negócios das empresas: taxa de crescimento de mercado e participação relativa no mercado”.
O modelo BCG é representado pelos 4 pontos: Question Mark (ponto de interrogação), Star (estrela), Cash Cow (vaquinha), Dog (cachorro ou mais popular abacaxi). Enquadrar os produtos nestas classificações é fundamental para descobrir onde seus produtos se encontram no mercado, seja como “estrela” = alto, ou seja, como um “abacaxi” = baixo, em outras palavras os que trazem rendimentos e os que não trazem. Com essa análise é possível direcionar o foco da empresa e usar os recursos de marketing no caminho certo.
Claro que existem mais algumas formas de acompanhar o mercado e saber como seu produto esta posicionado. Até porque a falta de alguns critérios pode distorcer informações importantes e que direcionem seu negócio bem distante do objetivo estipulado.
A taxa de crescimento em determinados segmentos varia muito e se baseia em “dado padrão” ao qual podem desviar o foco da empresa. Por exemplo, um segmento x pode crescer 5% ao ano e ser maravilhoso, enquanto para outro segmento y 5% é o fim do negócio.
A matriz BCG em conjunto com o ciclo de vida do produto, torna possível gerenciar e saber exatamente onde estão seus produtos enquadrados no mercado. E com isso, as ferramentas de marketing podem ser aplicadas para a situação real de sua empresa. Os resultados ficarão mais focados e os retornos mais satisfatórios para o faturamento da empresa.
É um trabalho árduo, mas compensador e que vai demandar da gerencia e do setor de marketing um tempo consecutivo e mensal, pois esse trabalho não pode parar. O andamento das informações é sempre atualizado por um mercado extremamente competitivo.
Ter essa análise mês a mês em sua empresa gera uma comparação sensacional no posicionamento de seus produtos no mercado. Com isso, a gerência tem uma visão privilegiada do crescimento anual da empresa, seja no faturamento ou na participação do mercado.
Faça esse desafio e descubra onde sua empresa esta no mercado!